Buscador Avanzado

Autor

Tema

Libro de la biblia

* Cita biblica

Idioma

Fecha de Creación (Inicio - Fin)

-

AFASTA-TE DE MIM, SATANÁS!

Written by
Rate this item
(0 votes)

Não.

Não estamos acostumados,

nestes tempos que correm,

a uma linguagem tão directa,

tão clara e dura,

tão surpreendente e escandalosa,

tão incorrecta

política, social e culturalmente,

tão pouco evangélica segundo os cânones prescritos...

E não sabemos como reagir!

 

Não.

Não estamos acostumados

a ouvir a tua voz apaixonada,

profundamente ferida

quando procuramos desviar-te do caminho

da tua própria identidade,

essa que te faz ser Filho

e Messias para os teus irmãos.

Ficamos sobressaltados

e procuramos deixá-la no esquecimento.

 

Não.

Não estamos acostumados.

E, embora procuremos passar ao lado,

o seu eco ressoa dentro e fora

com a força do vento

arrastando as nossas ambíguas

construções, palavras e declarações;

pois a fé que tu pedes

é outra coisa diferente:

fé sem justificações.

 

Não.

Não estamos acostumados

a dizer nitidamente com a voz e o coração: sim, não;

ou a chamar pão ao pão

e ao vinho, vinho...

sem ambíguas misturas

que defendem o «vale tudo»

porque não se pode ferir vontades

nem liberdades de ninguém.

E assim continuamos, embora nos custe reconhecê-lo!

 

Não.

Não estamos acostumados

a escutar o eco da tua voz,

aquela que dirigiste a Pedro

e foi escutada pelos restantes discípulos

com assombro e desconcerto:

«Afasta-te de mim, Satanás!

Tu não vês as coisas como Deus as vê».

E contudo, foi isso que salvou Pedro

e os tornou mais amigos.

 

Não.

Não estamos acostumados...

E assim continuamos!

 

Florentino Ulibarri

Traducción de Marcelino Paulo Ferreira

Read 4198 times
Login to post comments